Terça-feira, 25 de Maio de 2004

Inominado

hand.JPG


Tinjo as letras de negro,
escapou por entre meus dedos
a cumplicidade ardente do azul


Se eu jogo sozinha
se perco ou se ganho
não faz diferença
no caminho que segues


Eu já estava só quando
devoraste minhas letras
emboscaste meus sentidos
queimaste meu ar


Portanto agora seja o que for
não perco mais o rumo
apenas sumo e mergulho
    na curvatura do y


Já não ando desprevenida
deixei a distração descansar
hoje, eu alcanço a margem direita
mesmo sem saber nadar.


Hoje, me recuso a calar
que a tua ausência
corroi as lâminas
do aparelho de barbear


Hoje...
nada há para abraçar
fecho meus braços e botões
já não me quero nua
sob o teu cobertor.


Andréa Motta
24/05/05


Nota: Aceito sugestões para título, obrigada.

publicado por Andrea Motta às 00:49
link do post | comentar | favorito
44 comentários:
De Andra a 25 de Maio de 2004 às 21:56
Para Gisela: Obrigada, volte sempre. :))
De Andra a 25 de Maio de 2004 às 21:55
Jornal Torre do Selo: Pode deixar, logo mais darei uma passadinho para espreitar o blog e ler o artigo :)
De Andra a 25 de Maio de 2004 às 21:53
Para Maat7: Obrigada querida, fico feliz com suas palavras. Beijos.
De Andra a 25 de Maio de 2004 às 21:52
`Para Victor AZ: Sorrio.. Muito obrigada querido. Beijo
De Andra a 25 de Maio de 2004 às 21:50
Para Kikinha: Muito obrigada :) fique a vontade. Beijos.
De Gisela a 25 de Maio de 2004 às 21:24
Foi a primeira vez que aqui entrei... Adorei o poema! :) 1 beijinho
De jornal torre do selo a 25 de Maio de 2004 às 19:58
Olá pessoal. Tenho um artigo sobre o CODIGO DA VINCI no blog que possivlemente vos interessa. Vão até lá e comentem, pois quero publicá-lo no jornal torre do selo em formato de papel mas gostaria de saber algumas opiniões vossas antes disso. Obrigado
De maat7 a 25 de Maio de 2004 às 17:30
Andréa,vc não escreve com os dedos.
vejo sua alma no papel a deixar rios de emoção e sensibilidade.
e aqui andam eles neste mar onde dizemos adeus uns aos outros , e nos falamos, às vezes.

Lindo,lindo.

Bjs,

maat7
De Victor Az a 25 de Maio de 2004 às 17:20
A imegem me lembra as bolinhas de sabão da minha filha, e o poema está lindo como sempre, principalmente o final.
De kikinha a 25 de Maio de 2004 às 16:16
K bom é passar neste blog.. k bom é ler as tuas suaves palavras.. os teus bonitos poemas ao som de uma bela musica..
Volatrei a espreitar o teu lindo jardim... xeio de "flores" bonitas.. como um jardim na primavera..
beijos * * *

Comentar post

.mais sobre mim

.Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Natal 2010

. Trova!

. Signa

. Violações

. Nudez

. 2009!

. Poema de Natal

. 25 de novembro dia intern...

. Incorporiedade

. Ação de Incentivo à Leitu...

.arquivos

. Dezembro 2010

. Agosto 2010

. Novembro 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds