Quarta-feira, 22 de Setembro de 2004

Música

musica2.JPG



  • Imagem retirada da Web, desconheço o autor.

Ouço os sons dos meus silêncios...
na velocidade das pulsações,
vejo retalhos de mim mesma.


No embalo desta música
meu sangue
dança pelas veias ...


O tempo para
em seu ritmo penetrante,
a seguir expande...


Em meu peito um soluço
soleva as paredes brancas
da estrada que nunca passou...



Ah...esta música
Eleva-me e conduz
ao fulgor incerto
e fino da luz



Por isso eu canto,
canto esta melodia silenciosa
                                 para não me perder.


Andréa Motta
21/09/04

publicado por Andrea Motta às 01:06
link do post | comentar | favorito
48 comentários:
De Andra a 24 de Setembro de 2004 às 20:48
Para Cristina: Obrigada querida, bom final de semana a você também, beijos.
De Michel de Garcia a 24 de Setembro de 2004 às 19:59
Bem sei que tenho andado ausente, sem respostas nem sinais de vida, mas podes te assegurar de uma coisa, nem tudo se passa como eu espero, ou como eu quero...é bizarro quando nos apercebemos que só controlamos algumas pequenas coisas na nossa vids, na nossa forma de estar e de agir...
Eu digo...canta essa melodia, e outra a seguir a essa, embala-te e embala-nos...assim sendo ninguém se perde, apenas se afasta e se aproxima...digo eu, que já não sei mesmo de nada.
Beijos desculposos
De Victor Az a 24 de Setembro de 2004 às 17:44
Poema bonito, alias como a maioria que encontramos aqui.
De cristina a 24 de Setembro de 2004 às 16:25
oi, passeo só pa desejar um bom fim de semana e deixar uma beijoca.
De Andra a 24 de Setembro de 2004 às 14:50
Para Cisne feio: Sabe que és um lindo Cisne ???? portanto pode voltar a usar o outro ... ;) Beijinhos com carinho.
De Andra a 24 de Setembro de 2004 às 14:49
Para Monalisa: Querida, fico feliz com suas palavras, muito obrigada pelo carinho e incentivo. Bom final de semana, beijos.
De Andra a 24 de Setembro de 2004 às 14:47
Para In Loko: Sorrio...sorrio ...e sorrio!! Adoro teus comentários :)))))))))))))))). Beijo-te
De Andra a 24 de Setembro de 2004 às 14:46
Para Lisieux: Olá, bom dia mocinha, obrigada pelas tuas palavras. Eu tenho aparecido, mas tenho ido me deitar cedo, agora caminho pela manhã e estou sempre cansada a noite.. Mas, hoje tentarei ficar até mais tarde um pouquinho no msn. Beijinhos.
De cisne_feio a 24 de Setembro de 2004 às 13:25
{ … venho só deixar um caminho*teu*link, vê, espero que gostes: ( http://www.mgrande.com/weblog/index.php/luzdetecto/catalog_blogs ) ... }{ bom fim de semana }
De Monalisa a 24 de Setembro de 2004 às 13:11
Algumas músicas tem em mim um efeito especial que reconheci nas palavras deste poema. Elevam-me, pacificam-me, transportam o pensamento para um lugar imaterial onde ele se sente bem.
Um beijo.

Comentar post

.mais sobre mim

.Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Natal 2010

. Trova!

. Signa

. Violações

. Nudez

. 2009!

. Poema de Natal

. 25 de novembro dia intern...

. Incorporiedade

. Ação de Incentivo à Leitu...

.arquivos

. Dezembro 2010

. Agosto 2010

. Novembro 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds