Sexta-feira, 14 de Maio de 2004

Primavera

menina4.JPG


Neste momento de eternidade absoluta
meu olhar inquieto se esvai no horizonte
Aventuro-me na recondução dos sonhos
que escapam de minhas mãos
pelas veredas da minha mente

Dispo-me do peso de sorrisos amarelos
coibindo o falsear de palavras
Piso sobre folhas caídas
no quintal das minhas ilusões
Solto as amarras para que possa
o amor se perder (ou encontrar)
pelas estradas do mundo

Insana fantasia de amor povoada por vagalumes
a iluminar o breu inconsciente do meu ser
É vil ir contra as forças da minha natureza
Abrigo-me do orvalho que verte dos meus olhos
na primavera inebriante que não tardará

Enquanto isso,
    a noite me faz companhia.


Andréa Motta
27/08/03

publicado por Andrea Motta às 03:37
link do post | comentar | favorito
|
20 comentários:
De Andra a 17 de Maio de 2004 às 00:23
Para Yardbird:Sorrio largamente ;)Beijo
De Yardbird a 16 de Maio de 2004 às 22:03
Gostei especialmente dos olhos orvalhados. É uma imagem que me é querida. Beijo :)
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:19
Para Eca Light: Acho que notou o que de verdadeiro existe... nem sempre as datas, correspondem a um tempo passado..pode ser, que não obstante escrito naquela dat..ainda hoje ( ou no momento da publicação) reflita um estado de espírito. Muito obrigada meu anjo, pelas palavras. Com carinho um abraço e beijos.
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:17
Para Graça: Muito obrigada querida, pelas palavras de carinho e incentivo. Bom final de semana. Beijo
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:16
Para Júlio: Alguma...talvez seja pouco.. Estou em dívida contigo, mas esta semana prometo me redimir. Beijo
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:15
Para Luis: Acho que seu comentário retrata exatamente o que sinto..como me sinto.. talvez a ti eu tenha conseguido passar o exato sentimento. Não sei se isto é bom ou não.. Beijo
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:14
Para LetrasAoAcaso: Talvez esta paz seja aparente...talvez não.. não sei se consigo mesmo transmitir o que sinto...sei apenas o quanto doi. Beijo-te.
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:12
Para Zé: Há muitos mais que mera incertidão querido ;) beijo.
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:12
Para Carlos Tavares:Olá mocinho;) nem tanto primaveril assim...o inverno está nas entrelinhas... Beijos e, até quarta-feira.
De Andra a 15 de Maio de 2004 às 13:10
Paea JorgeBond: Olá meu amigo, obrigada pelas suas palavras sempre tão meigas e gentis. Beijos com carinho.

Comentar post

.mais sobre mim

.RAGNARÖK

Clique na imagem

.Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Natal 2010

. Trova!

. Signa

. Violações

. Nudez

. 2009!

. Poema de Natal

. 25 de novembro dia intern...

. Incorporiedade

. Ação de Incentivo à Leitu...

.arquivos

. Dezembro 2010

. Agosto 2010

. Novembro 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

.Minha Canção


Tua Canção
Música e Voz – Lara Santos
Letra Andréa Motta

on-line
blogs SAPO

.subscrever feeds